Por João Vitor Rocha

A volta de Fábio Carille ao comando técnico do Corinthians em 2019 não é mais tão improvável como se imaginava. Segundo informação do jornalista Benjamin Back e confirmada pelo site Meu Timão, Andrés Sanchez e o empresário do treinador, Paulo Pitombeira, se reaproximaram.

Segundo o Meu Timão, pessoas próximas a Andrés afirmaram que, caso Carille abra mão do alto salário que recebe no Al Wehda, o Corinthians tentará sua volta.

A direção do Timão estaria disposta a tornar Carille o terceiro maior salário entre os técnicos do futebol brasileiro, atrás apenas de Felipão no Palmeiras e Renato Gaúcho no Grêmio. Nem a multa rescisória com o time árabe de 700 mil dólares (cerca de R$ 2,7 milhões) seria um empecilho.

Segundo o Meu Timão, Carille já teria apontado o Corinthians como sua prioridade em uma possível volta ao Brasil. O Timão daria total liberdade ao treinador campeão Brasileiro de 2017. Ele poderia montar sua comissão técnica, inclusive, com os que lhe acompanharam na saída para o Al Wehda.

O portal especializado no Corinthians ainda informou que Pitombeira revelou a Andrés um certo descontentamento de Carille com os árabes. Parte das promessas não teriam sido cumpridas, após seis meses do contrato assinado. O time comandado pelo brasileiro é apenas o 5º colocado no campeonato loca, com quatro vitórias, três empates e duas derrotas.

(Torcedores.com)
Foto: Agência Corinthians

richard Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
×
richard Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.

About Author

Comment here